BÍBLIA: TOBIAS ERA FEITICEIRO?

postado em: Bíblia | 0

Então, Tobias era Feiticeiro? Praticou bruxaria? E ainda mais ensinado por um anjo? A criatividade de alguns protestantes para acusar a nós católicos, cambaleia desde nos chamarmos de idólatras até feiticeiros.

Um dos burburinhos que ouço é de dizer que o livro de Tobias não é um livro inspirado e que Tobias e o Anjo Rafael teriam ensinado a fazer bruxarias, poxa que coisa, um anjo de Deus, cujo a tradução do nome é “CURA DE DEUS” ensinou a fazer bruxarias. Lamentável.

Mas existe uma pergunta antes, a pergunta é: Quem deu autoridade a estes para dizer se um livro da Sagrada Escritura é ou não é inspirado?

TOBIAS ERA FEITICEIRO?

Para entendermos esta questão, se Tobias era Feiticeiro ou que o Anjo Rafael, teria ensinado práticas de feitiçaria para o jovem, precisamos entender alguns pontos.

Um deles é entender que para interpretar as Sagrada Escritura é necessário ter AUTORIDADE para isso. Pelo que encontramos nos Evangelhos e na Tradição, Jesus dá autoridade aos Apóstolos e aos seus sucessores.

No Evangelho de São Mateus lemos: “Em verdade vos digo: tudo o que ligardes sobre a terra será ligado no céu, e tudo o que desligardes sobre a terra será também desligado no céu (S. Mateus 18, 18)”.

A Bíblia como conhecemos hoje passou por vários períodos, transmissão oral, e escrita pelos copistas até a invenção da imprensa. Portanto, antes de dizer se um livro é ou não inspirado é melhor irmos ao encontro das raízes mais profundas que se originam na Igreja Primitiva.

A alegação de que no Livro de Tobias encontra-se ensinamentos de feitiçaria provém dos meios pelos quais são narrados na estrutura literária, em que o Anjo Rafael teria apresentado ou ensinado feitiçaria para Tobias.

Tobias partiu, pois, seguido de seu cão, e deteve-se na primeira parada à beira do rio Tigre. Descendo ao rio para lavar os pés, eis que um enorme peixe se lançou sobre ele para devorá-lo.

Aterrorizado, Tobias gritou, dizendo: Senhor, ele lança-se sobre mim. O anjo disse-lhe: Pega-o pelas guelras e puxa-o para ti. Tobias assim o fez.

Arrastou o peixe para a terra, o qual se pôs a saltar aos seus pés. O anjo então disse-lhe: Abre-o, e guarda o coração, o fel e o fígado, que servirão para remédios muito eficazes. Ele assim o fez.

A seguir ele assou uma parte da carne do peixe, que levaram consigo pelo caminho. Salgaram o resto, para que lhes bastasse até chegarem a Ragés, na Média.

Entretanto, Tobias interrogou o anjo: Azarias, meu irmão, peço-te que me digas qual é a virtude curativa dessas partes do peixe que me mandaste guardar. O anjo respondeu-lhe: Se puseres um pedaço do coração sobre brasas, a sua fumaça expulsará toda espécie de mau espírito, tanto do homem como da mulher, e impedirá que ele volte de novo a eles. Quanto ao fel, pode-se fazer com ele um ungüento para os olhos que têm uma belida, porque ele tem a propriedade de curar. (Tobias 6, 1-9)

Posteriormente Tobias, utiliza do fígado do peixe para expulsar o demônio que atormentava Sara. E logo depois utiliza de outras partes como meio de cura para a cegueira de Tobit.

Rafael-cura-o-pai-de-Tobias-CURA-DE-DEUS-tobias-era-feiticeiro

O anjo disse então: Tobias, meu irmão, tu sabes em que estado deixaste o teu pai. Se for do teu agrado, poderíamos tomar a dianteira, deixando a tua mulher, os servos e os rebanhos seguirem devagar pelo caminho. Tendo Tobias concordado com esse parecer, Rafael disse-lhe: Leva contigo o fel do peixe, porque vais precisar dele. Tomou, pois, Tobias o fel e partiram. Entretanto, Ana ia todos os dias assentar-se perto do caminho, no cimo de uma colina, de onde podia ver ao longe. Ela espreitava ali a volta de seu filho, quando o viu de longe que voltava e o reconheceu. Correu ao seu marido e disse-lhe: Eis que aí vem o teu filho! Ora, Rafael tinha dito a Tobias: Logo que entrares em tua casa, adorarás o Senhor teu Deus e dar-lhe-ás graças. Irás em seguida beijar teu pai, e pôr-lhe-ás imediatamente nos olhos o fel do peixe que tens contigo. Sabe que seus olhos se abrirão instantaneamente e que teu pai verá a luz do céu. E, vendo-te, ficará cheio de alegria (Tobias 11, 2-8)

Estas são as alegações que certos incautos acusam ao livro de Tobias, sem autoridade nenhuma, de não ser um livro inspirado. Muitos dos que acusam, acredito, que nunca leram o Livro de Tobias, sequer, para falar tamanha barbaridade. Em falar que o Livro de Tobias não é inspirado e que Tobias teria pratica feitiçaria.

SE TOBIAS FEZ FEITIÇARIA ENTÃO ELISEU E JESUS FIZERAM SARAVÁ

Mas digamos que isso seja motivo de incerteza sobre a inspiração do livro e que tal feito seria caracterizado como feitiçaria ou bruxaria, então teria outros profetas, o próprio Jesus e os Apóstolos cometido feitiçaria?

No livro de II Reis Eliseu, que estava com a capa de Elias, toca com a capa o rio e o rio se divide ao meio. Era uma capa, uma túnica e de outro homem (II Reis 2, 14).

Eliseu torna sã as águas de uma cidade que era estéril e causava a morte. E para isso utiliza sal que asperge na água (II Reis 2, 21).

Continuando sobre os prodígios ou feitiçarias de Eliseu. Ele deita sobre o cadáver de um menino e o mesmo restaura à vida (II Reis 4, 34).

O rei que contraiu lepra se lava sete vezes no rio para que fosse curado do mal (II Reis 5, 14).

Jesus também cura uma cegueira de forma inusitada, passa cuspe nos olhos para que sejam curados de cegueira, há dois relatos nos Evangelhos em São Marco 8, 23 e também em outro momento saliva com terra, São João 9, 6-7.

Ignorar o contexto literário das Sagradas Escrituras leva ao leitor e aos que não possuem sequer um mínimo de conhecimento bíblicos acusações medíocres como estas.

Nem mesmo os protestantes da reforma utilizam mais destes devaneios para agredir a católicos e a Igreja. E a falta de conhecimento são meios para que se possa manter distante a graça de Deus.

No livro de Tobias, que acusam de feitiçaria e de não ser inspirado diz o porque os homens que se aproximavam de Sara, morriam. E é sobre aqueles que não tem entendimento, se afastando da graça de Deus, que o demônio tem poder.

O anjo respondeu-lhe: Ouve-me, e eu te mostrarei sobre quem o demônio tem poder: são os que se casam, banindo Deus de seu coração e de seu pensamento, e se entregam à sua paixão como o cavalo e o burro, que não têm entendimento: sobre estes o demônio tem poder. (Tobias 6, 16-17)

O livro de Tobias trás uma grande história, sobre aqueles que se guardam nos ensinamentos de Deus e se preserva do pecado. Transmite uma mensagem de como um bom homem deve agir como cristão e filho de Deus. Além de confiar na providência divina.

Você também poderá gostar destas outras postagens aqui do blog:

Este é o Blog Catequese do Leigo, obrigado por estar aqui. Ajude a evangelizar, compartilhe com seus amigos, faça seu comentário. Assine, deixe seu e-mail e receba as atualizações na sua caixa de mensagem. Um grande abraço.

Sou ex-espirita, moro em Maringá -PR. Gosto de falar sobre religião e sobre a fé católica. Tenho interesse pela catequese de adultos. Sou formado em Administração. Gosto de Sistemas de Informação e Redes Sociais. Também gosto de programação para internet. Seja Bem Vindo.

Deixe uma resposta