PROVAS DE QUE PÔNCIO PILATOS EXISTIU REALMENTE

postado em: Catequese | 0

Pôncio Pilatos é uma das pessoas mais marcantes nos Envangelhos. E em nossa profissão de Fé dizemos, Padeceu sob Poncio Pilatos. Mas existem provas que ele realmente tenha existido?

Antes de proceguir com esta postagem, é preciso fazer uma pergunta, que no final gostaria de refletir com você meu caro leitor. Qual é de fato a importância de provas para nossa fé?

PÔNCIO PILATOS NARRADO NO EVANGELHO EXISTIU?

Para nosso amigos que gostam de bancar de SÃO TOMÉ, está ai a prova. Uma evidência arqueológica encontrada, comprova a existência do romano Pôncio Pilatos.

A chamada “Pedra de Pilatos“, referindo-se ao governador romano, foi apresentada no dia 5 de março de 2017. Pôncio Pilatos, como sabemos pelos evangelhos, foi um dos responsáveis pela crucificação de Jesus Cristo.

A Pedra de Pôncio Pilatos

O referido artefato arqueológico está guardada no Museu de Israel em Jerusalém. A pedra possui uma dimensão de 82 cm de largura e 68 cm de altura.  Encontra-se gravada na pedra os seguintes dizeres:

“Pôncio Pilatos, prefeito da Judeia, dedicou ao povo de Cesaréia um templo em honra a Tibério”

No entanto a pedra arqueológica não é a unica prova referida a Poncio Pilatos. O historiador judeo Flávio Josefo relatou sobre o ocorrido com Jesus e seus seguidores:

[…] Tanto entre os judeus como entre os gregos havia muitos discípulos que o seguiam. Devido à denúncia dos líderes do povo, Pilatos o condenou ao suplício da cruz. Mas isso não impediu que os seus discípulos continuassem amando-o como antes. Depois de três dias da sua morte, apareceu vivo.

Além de Flávio Josefo, outros também deixaram documentos referindo-se Poncio Pilatos. Pode-se citar entre estes Filo de AlexandriaCornélio Tácito, um historiador romano do século I.

FÉ NA IGREJA

A Igreja é a coluna e sustentáculo da verdade

Voltando a reflexão dita anteriormente, em que levanto a questão da importância de provas para a nossa Fé. Bom em um primeiro momento, devo dizer que as ciências são de fato uma ferramenta importante para nós.

Por meio da ciência como a própria Arqueologia, podemos desvendar uma série de fenômenos históricos. E isto de fato é bom. Porém como católicos, devemos sempre confiar na Igreja, e no que ela ensina, mas não como marionetes, mas sim como filhos que confia na sabedoria da Santa Mãe Igreja.

Então, nossa Fé,  nos remete a providência divina em confiar na Igreja de Cristo, como aquela que guarda o depósito seguro para nossa salvação.

É claro que, deixando novamente claro, é sempre bom, consolidar de alguma forma, aquilo que já cremos e professamos. Mas sempre a luz da Fé.

Como diz o Apóstolo Paulo na I Carta aos Tessalonicenses 3, 15, sobre a Igreja de Cristo:

  “Todavia, se eu tardar, quero que saibas como deves portar-te na casa de Deus, que é a Igreja de Deus vivo, coluna e sustentáculo da verdade.”

Veja também esta postagem que você poderá gostar aqui no Catequese do Leigo:

Obrigado por sua visita aqui no Blog, deixe seu comentário logo abaixo. Receba também as atualizações em sua caixa de entrada. Você também pode ver com maior detalhamento as informações sobre a Pedra de Pilatos em Acidigital. Abraços.

Sou ex-espirita, moro em Maringá -PR. Gosto de falar sobre religião e sobre a fé católica. Tenho interesse pela catequese de adultos. Sou formado em Administração. Gosto de Sistemas de Informação e Redes Sociais. Também gosto de programação para internet. Seja Bem Vindo.

Deixe uma resposta