HERESIA VOCÊ SABE O SIGNIFICADO DESTA PALAVRA?

postado em: Catequese | 0

A palavra heresia era muito comum, principalmente na Idade Media. Sua utilização implica basicamente em um ensino contrário daquilo que realmente a Igreja ensina.

Também no início, na Igreja Primitiva houve a necessidade de se combater vários pensamentos contrários a Verdade de Fé. A Igreja sempre se preocupou em manter a Sã Doutrina de erros doutrinais.

HERESIA, O QUE SIGNIFICA?

a igreja combate as heresias em todos os tempos

A palavra heresia, que tem origem do grego αἵρεσις, tem significados semelhantes como “opção“, “opinião” ou “escolha“. A heresia então é fazer uma escolha ou ter uma escolha contrária a Igreja.

Por exemplo, a Igreja nos ensina que existe um estado de purificação, que chamamos de purgatório, em que as almas aguardam a plenitude da salvação.

Se você é católico e nega este ensinamento da Igreja, para a Igreja você está cometendo heresia. Muitos católicos desinformados ou mesmo por vaidade não aceitam muitas verdades de Fé, criam suas próprias opiniões. Católicos que assim procedem, sem saber, comete heresia.

Se por acaso você é contrário algum ensinamento da Igreja, busque solucionar este problema, na maioria das vezes é simplesmente falta de informação.

3 HERESIAS QUE A IGREJA CONDENOU

Ainda existem heresias veladas, escondidas em pensamentos de muitos clérigos, religiosos e leigos, Se você tem dúvida de algo, a melhor ferramenta para sanar sua dúvida e o Catecismo da Igreja Católica.

Mas a Igreja combateu firmemente “teologias” que foram surgindo com roupagem de cristianismo apresentando falsos ensinamentos. Veja por exemplo 3 dentre vários pensamentos heréticos que foram surgindo dentro da Igreja:

  • O Donatismo
  • O Nestorianismo
  • O Macedonianismo

Perceba que as heresias nascem dentro da Igreja, é por conta disso que o Magistério da Igreja precisa se pronunciar para manter a verdadeira Doutrina pregada pelos Apóstolos.

O DONATISMO

Donato o Grande (anti)bispo em 315 propagou o pensamento, dizendo que os sacramentos só teriam eficácia e validade dependendo da santidade do ministro (padre) que o conferiu.

A Igreja precisou interferir, pois de fato quem confere os Sacramentos é o próprio Cristo, não dependendo da santidade do ministro.

Além desta questão, há outra acerca do Batismo, dizendo que era necessário re-batizar aqueles que negaram a fé e posteriormente, arrependidos, voltaram para o seio da Igreja. Este pensamento também equivocado foi combatido pela Igreja, pois há um só Batismo.

O NESTORIANISMO

Nestório foi Bispo em Constantinopla no século V. A heresia nestoriana quer incutir a ideia que o Filho de Deus se uniu a uma outra identidade para assim se tornar humano.

Seria algo como se o Filho de Deus tivesse tomado ou “possuído” um outro ser. O que é contrário ao ensinamento e a tradição da Igreja, sendo que Jesus é Deus e Homem inteiramente. São duas naturezas, humana e divina, mas uma única pessoa.

O MACEDONIANISMO

Mais um outro maluco bagunçando a Doutrina da Igreja. Macedônio I, Patriarca de Constantinopla no século IV. Macedônio I não aceitava que o Espirito Santo era divino, portanto também Deus. A Igreja precisou intervir várias vezes sobre este assunto, uma das tentativas foi o Concílio de Constantinopla em 381.

Várias foram os pensamentos heréticos que surgiram para confundir os filhos da Igreja. Ainda hoje a Igreja necessita filtrar vários pensamentos em forma de teologia com a prerrogativa de “atualizar” a Fé.

O vídeo abaixo trás mais informações sobre heresias e pecados contra a Fé, além de outros assuntos da Fé Católica, vale a pena.

Você também poderá ler estas outras postagens aqui do blog:

Obrigado por sua visita. Deixe seu comentário logo abaixo com suas críticas e sugestões. Você também poderá assinar o blog e receber as atualizações em seu e-mail. Abraços.

Sou ex-espirita, moro em Maringá -PR. Gosto de falar sobre religião e sobre a fé católica. Tenho interesse pela catequese de adultos. Sou formado em Administração. Gosto de Sistemas de Informação e Redes Sociais. Também gosto de programação para internet. Seja Bem Vindo.

Deixe uma resposta