A LEITURA ORANTE NA CATEQUESE ADULTA E INFANTIL

postado em: Catequese | 0

A Leitura Orante é uma excelente prática para ser empregada na catequese de adultos e infantil. Com esta prática mais próxima da Palavra de Deus os catecúmenos poderão se habituar a ler e refletir com a Palavra.

A Palavra de Deus deve estar presente a todo momento na catequese. A presença das leituras da Sagrada Escritura na catequese, não deveria estar simplesmente em um manual, revista ou folha impressa, mas sim como esta palavra se apresenta na Bíblia.

leitura orante com a biblia

LEITURA ORANTE E SUAS VANTAGENS

A prática da leitura da Bíblia no encontro de catequese permite muitas vantagens. Entre estas vantagens pode-se destacar algumas como:

  1. Conhecimento da Palavra por parte do catecúmeno
  2. Aproximar os catecúmenos la leitura na Missa
  3. Familiarizar os catecúmenos com os capítulos e versículos
  4. Meditar com a Palavra de Deus.

Mas nunca faça um leitura de improviso ou “tire a sorte” para ver a leitura que irá sair. Já saia de casa com seu encontro preparado e previamente com as leituras.

Deixe seus catecúmenos se acostumarem a fazer as leituras, de forma a entenderem sua importância na Missa. Explique como deve ser iniciado a Primeira e Segunda Leitura, bem como o Evangelho.

LENDO O ANTIGO E O NOVO TESTAMENTO NA CATEQUESE

Sabemos que na Santa Missa as leituras são iniciadas pelo leitor indicando o Livro que está sendo lido ou o Evangelho. No caso dos Livros do Antigo Testamento e os Livros no Novo Testamento deve ser pronunciado no inicio da Leitura, exemplo:

Leitor: LEITURA DO LIVRO DO GÊNESIS

E no final a assembleia, no caso os catecúmenos, que estarão SENTADOS, irão responder:

– GRAÇAS A DEUS

Reforço que todas as leituras devem ser escolhidas conforme o tema. Por exemplo, se você está iniciando a catequese e irá falar sobre a criação do mundo, obviamente irá começar pelo livro de Gênesis.

Se acaso você ainda for fazer mais de uma leitura, poderia dispensar o procedimento do inicio do leitor e de resposta da assembleia.

LENDO O EVANGELHO NA CATEQUESE

Existe algumas diferenças para o Evangelho, sempre que ele é lido, dizemos que o EVANGELHO será PROCLAMADO e não simplesmente lido.

Na proclamação do Evangelho TODOS ficam de pé, junto com quem irá proclamar. Para o inicio, deverá ser dito:

Leitor: PROCLAMAÇÃO DO EVANGELHO SEGUNDO MATEUS

Enquanto o leitor inicia a proclamação, a assembleia irá traças o sinal da cruz na testa, na boca e no peito, dizendo: PELO SINAL DA SANTA CRUZ (testa), LIVRAI-NOS DEUS NOSSO SENHOR (boca) e por fim DOS NOSSOS INIMIGOS (peito). 

A cruz na boca tem o sentido de que possamos guardar e meditar sempre na Palavra, na boca para que possamos anunciar e no coração, para que guardemos na alma.

A leitura do Evangelhos está restrita a qualquer um dos Evangelistas, como Marcos, Lucas ou João. Após a proclamação, o leitor irá dizer para a assembleia:

– PALAVRA DA SALVAÇÃO

A assembleia irá responder:

– GLÓRIA A VÓS, SENHOR

Após a leitura sempre faça um reflexão de partilha, mas sem perder o sentido da leitura. Evite também querer arrastar as leituras para as esferas sociais. A Palavra de Deus é muito mais que isso, é sobrenatural, tem sentido histórico-teológico.

Utilize a leitura orante, rezando e refletindo junto com a Palavra. Deixe seus catecúmenos “saborear” a graça de Deus pelas Sagradas Escrituras.

OS 4 NÍVEIS OU DEGRAUS DA LEITURA ORANTE

A Leitura Orante também é conhecida como LECTIO DIVINA, do latim, que quer dizer LEITURA DIVINA. Existem 4 níveis para que você possa se orientar e orientar seu catecúmenos.

Os níveis ou degraus são divididos em:

  1. Leitura (Lectio): Faça a leitura pausadamente o silêncio é muito importante. Em grupo, pode ser lido e depois deixar que cada um leia o texto novamente em silêncio.
  2. Meditação (Meditatio):  Neste degrau destaque para você o versículo que lhe falou algo, não faça interpretação, apenas deixe o texto falar com você ou com cada um do grupo. Cada um do grupo, pode ter o seu versículo.
  3. Oração (Oratio): Fale com Deus, reze apresentando seu entendimento e o momento em que você se encontra em relação ao versículo que lhe falou algo.
  4. Contemplação (Contemplatio): Agora, ame o divino, busque unir sua alma com Deus, com os anjos, santos e os irmãos, enfim com toda a Igreja. Olhe para a vida, família, amigos, profissão. Se debruce nos braços de Deus.

Lembrando que o silêncio é primordial para uma relação mais eficaz com a leitura. Se for em grupo a partilha pode ser opcional, mas nunca deve ser exigida ou forçada.

O vídeo abaixo irá lhe proporcionar uma entendimento e condução ainda maior sobre a Leitura Orante, a Lectio Divina.

Você também poderá gostar destas outras postagens aqui do blog:

Deixe seu comentário logo abaixo com suas críticas e sugestões. Assine, você também pode receber as atualizações do blog em seu e-mail. Se desejar veja aqui a DEI VERBUM para uma maior profundidade no contexto da Leitura Orante e a Palavra de Deus.

Sou ex-espirita, moro em Maringá -PR. Gosto de falar sobre religião e sobre a fé católica. Tenho interesse pela catequese de adultos. Sou formado em Administração. Gosto de Sistemas de Informação e Redes Sociais. Também gosto de programação para internet. Seja Bem Vindo.

Deixe uma resposta